Goldstone – Um Relatório Inúnitl


O que segue é uma declaração entregue esta semana ao Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas pela ONG ONU Watch, em resposta à missão Goldstone de investigação sobre Gaza.

Meu nome é Dra. Mirela Siderer. Sou ginecologista e vivo em Ashkelon, Israel.

Juiz Richard Goldstone, em Julho você me convidou para depor. Contei-lhe minha história. Sou conhecida pelos meus pacientes – incluindo muitas mulheres de Gaza, pois para mim todo ser humano é iguais.

Em 14 de maio de 2008, minha vida mudou para sempre. Estava trabalhando em minha clínica quando o prédio foi atingido por um míssil disparado de Gaza. Eu fui terrivelmente ferida, com sangue ao redor de mim. A paciente que atendia e mais de 100 outros pessoas que estavem no prédio também foram feridos. No próximo mês será a minha oitava operação.

Juiz Goldstone, contei-lhe tudo isto, em detalhes. Testemunhei de boa fé. Você me enviou uma carta, dizendo: “Seu testemunho será parte essencial das atividades de investigação da Missão”.

Mas agora que li seu relatório. Tenho de lhe dizer: Eu estou chocada.

Juiz Goldstone, em um relatório de 500 páginas, por que ignoraram completamente a minha história? Meu nome aparece apenas de passagem, entre parênteses, e em um contexto técnico. Me senti humilhada.

Por que em 500 páginas apenas duas aborda as vítimas israelenses como eu, que sofreram milhares de foguetes ao longo de oito anos? Por que você se concentrou na
prazo da resposta do meu país, mas não aos oito anos de ataques que originaram essa resposta? Por que você não me diz que este Conselho julgou Israel culpado antecipadamente, em sua reunião ocorrida em janeiro passado? Por que você não me diz que membros do seu conselho assinaram cartas públicas julgando Israel culpado antecipadamente?

Juiz Goldstone, você também assinou tal carta, se disse “chocado” sobre Gaza. Mas onde você estava quando Gaza atacou minha clínica médica, em violação aos direitos humanos internacionais e do direito humanitário? Onde estava esse conselho? Por que todos vocês estão em silêncio?

Para mais informações, visite o site www.unwatch.org

 

Fonte

1. National Post

This entry was posted in Stories of Life. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s